2013 will be a great year!

Aqueles que me possuem em suas listas de contatos do Google, Messenger ou Skype já se acostumaram a ver a frase que dá título a este post. 2013 será de fato um grande ano! Há algumas coisas acontecendo em minha vida que estão fazendo com que eu me sinta vivendo um momento de recomeço. Concluí o meu doutorado em dezembro de 2012, eu e minha esposa Denize estamos acertando os últimos detalhes para nos mudarmos para um apartamento maior e mais confortável e a ideia de reunir um grupo de pessoas para ter um laboratório na Unimontes finalmente deixou de ser apenas uma ideia: o LASCOPS (Laboratório de Automação, Simulação, Controle e Otimização de Processos e Sistemas) já é uma realidade e eu espero que a sua atividade gere muitos outros posts!

Há outras coisas que estão em andamento e que podem também sair do espaço das ideias, mas deixarei para escrever sobre elas quando isso de fato ocorrer. Encerrarei este post com um texto que escrevi há muito tempo, em 1994, e que resume o que o ano de 2013 representa para mim.

RECOMEÇO

Hoje, seja pelo pouco que vi ou pelo muito que imaginei e senti, consegui me guiar e vencer o labirinto de minha inércia espiritual. E, da Caixa da Pan­dora, brotou uma exclamação: nada está pronto! E aí reside a beleza da existência;   podemos, ou melhor, devemos construir. A vida nada mais é do que um ciclo: início, fim e início. E sempre vivemos e aprendemos algo novo… Novidades recheadas de turbulência  do desconhecido e de felicidade. Novidades… Cabe a nós sermos pacientes e saber admirar o tempo. Assim, podemos sentir a impressão que DEUS nos dá no coração e receber o novo. E DEUS aqui deve ser entendido como o centro da crença, ou da não-crença, de cada um. Assim  perceberemos que há um tempo para melhorar e planejar  E perceberemos também que há o tempo da ação, o tempo de parar de sonhar, retocar os planos e, repentina e intensamente  começar. Começar a viver, a sentir, a amar. Começar  Começar para terminar e recomeçar.

Cabe, por fim, dizer que o maior prazer não se alcança ao terminar. A sa­tisfação maior está no longo, rico e si­nuoso caminho que se deve percor­rer entre o início e o fim. Venci­do esse ca­minho, recebe-se o melhor dos prêmios: a possibi­lidade de recomeçar!

RENATO DOURADO MAIA

2 thoughts on “2013 will be a great year!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *